Post thumbnail

Uma das primeiras coisas que a maioria dos jogadores de League of Legends tem que aprender é como “farmar”. Um farm apropriado pode fazer a diferença entre ganhar e perder seu jogo, ou seja, dominar o seu farm é importante, principalmente para acúmulo de ouro. No entanto, muitos profissionais e jogadores estão com um novo estilo de jogo chamado Frostmancy, que é mais uma tática de ganho de ouro.

O Frostmancy é uma alternativa de estratégia na qual você consegue sair na frente do seu oponente sem muito esforço. Essa estratégia consiste em ter na árvore primária de runa a Cleptomancia e utilização do item de suporte, Gume do Ladrão Arcano.

CLEPTOMANCIA:

Após utilizar uma habilidade, seus próximos 2 ataques básicos, dentro de 10 segundos, contra campeões garantem 5 de ouro. Atacar um minion irá stackar a Clepto, mas não irá dar ouro, e ocasionalmente ganhará um item consumível. Ao total, pela runa, o jogador ganha em média 35 de ouro por cada stack (5 de ouro da passiva + ouro de item)

GUME DO LADRÃO ARCANO:

Garante +2 de ouro a cada 10s, além de garantir também +10 de AP e 25% de Regeneração de Mana base. Possui 3 recargas, que a cada troca de dano com campeões e estruturas, ganha +10 de ouro e um bônus de +13 de AP na troca. Caso algum minion ou monstro for atacado, você perde os +2 de ouro e os 10 da recarga por 12 segundos por unidade abatida.

Aprimorando o item para Presas Gélidas, melhora a situação pois te dá +AP, + Redução de Tempo de Recarga, Regeneração de Mana e aumenta o ouro para 20, acelerando mais o item de suporte.

Depois de completar a missão dos 500 de ouro e aprimorando para o item para nível 3 (Resquício dos Observadores), o item não stacka mais, ou seja, pode voltar a farmar, e não perde o ouro por segundo e ainda garante visão por conta das sentinelas.

A estratégia é feita para pular a fase de rotas, pois você acumula mais ouro que o normal, já que está recebendo tanto da Clepto quanto do item de suporte, mas sem farmar os minions e apenas pokeando seu oponente. Os campeões mais utilizados são os de pokes AP, tais como Zilean, Karma, Viktor, Sona e Kennen.

Não é em qualquer momento que ela vai ser utilizada, pois requer uma situação ideal para jogar contra: é melhor usada contra inimigo com range baixo ou melee (corpo a corpo).

A Frostmancy começou a aparecer a partir do patch 9.3 na rota do topo, sendo uma delas nas mãos do Huni, toplaner da Clutch Gaming.

100 Thieves vs. Clutch Gaming / LCS 2019 Spring – Week 3; Podemos ver que mesmo com a derrota da CG, Huni estava com todos os itens feitos, mesmo estando 0/5/6 e 317 de farm, o ouro estava bem pouco atrás do seu adversário que contava com um KDA de 7/0/8 e 400 de farm.

Não muito satisfeita com o que estava acontecendo, a Riot lançou um hotfix (ajuste) em cima do Gume do Ladrão Arcano no patch 9.4.

Fonte: https://br.leagueoflegends.com/pt/news/game-updates/patch/notas-da-atualizacao-94

O que eles fizeram? Aumentaram o ouro de quando um inimigo é pokeado, mas só funcionando quando se tem um aliado por perto para conceder este ouro, caso contrário, apenas dano adicional.

A estratégia foi migrada para a botlane, mas até então só os suportes faziam por conta do ouro recebido.

Eis que, em algumas ligas, essa estratégia foi mais além:

Havan vs. Falkol / Circuito Desafiante – Semana 7

Apesar da Sona ter ido nas mãos do Atlanta (midlaner da Havan), ouve a troca com Sarkis, assim ficando Lucian na rota do meio e Sona e Taric na rota inferior. Essa matchup de Sona + Taric já havia acontecido anteriormente na liga turca, na partida entre a 1907 Fenerbahce x Dark Passage, sendo a Fenerbahce que utilizou a estratégia e foi vitoriosa.

A estratégia continua a mesma de não farmar e apenas pokear o inimigo, que agora fica nas mãos da Sona, que segue como “carry” do time, deixando o farm para o suporte, Taric no caso. Só que agora além da Sona ganhar o ouro da Cleptomancia e do Gume do Ladrão Arcano, ela também acaba ganhando o ouro concedido pelo Escudo Relicário do Taric. Podemos ver na imagem acima, que a sona vem como 2º personagem com mais ouro recolhido durante a partida, mesmo com 180 de farm em quase 40 minutos de partida.

Abater uma tropa cura o usuário e o Campeão aliado mais próximo em 5 a 30 (com base na Vida perdida), além de conceder-lhe o ouro do abate. No começo do jogo o item dá em média de 10.5 de ouro a cada 10 segundos, stackando na passiva única “Despojos de Guerra” compartilhando desse ouro com seu laner. Entre 15 e 25 minutos, é aumentado para 16.75 de ouro a cada 10s e depois dos 25 minutos aumenta para 22. de ouro, lembrando que isso é a média de ouro apenas com o Escudo Relicário. A variação de ouro a cada 10 segundos aumenta ao aprimorar o item.

Apesar da fase de rotas ter sido mais propícia para Falkol, o tempo que a Havan ganhou para construir as itemizações e jogar de modo mais seguro, fez com que durante as lutas 5×5 fossem vantajosas para os libertinos, já que contavam com ótimas ultimates por parte do Taric, além da utilidade da Sona com a cura e velocidade de movimento, além do controle de grupo que ela traz.

E agora, será que pega essa botlane nas ranqueadas?

Mineira, 24, comentarista e analista de League of Legends, streamer, tradutora e torcedora da TSM.

Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *